SARA NACIF

Sou Sara Nacif, fotógrafa há alguns anos, e o que me move na fotografia são as pessoas. Gosto delas de suas histórias, de suas formas de ver o mundo, da sua sabedoria na resolução dos problemas, dos seus vários sistemas de crenças. Respeito imensamente tudo isso e sou profundamente grata por todo o aprendizado, que recebo de cada uma delas.

Me interesso pelo tempo! Gosto de temporalidades diversas, daquelas que se fica jogando conversa fora e sabendo sobre a vida do outro.

É preciso ter tempo para olhar o outro profundamente e tempo para permitir ser olhado também. Meu fazer fotográfico é assim, com tempo e profundidade. Preciso de troca, de tempo, mas também de afeto. Fico feliz quando passo a ser reconhecida por quem sou e pelas histórias que vivo com eles, os fotografados. A experiência a vivência, o convívio para mim sempre valem mais do que a fotografia, mesmo a mais linda delas! Gosto de travar relações intimas e duradouras com as pessoas. Minhas relações com elas são sempre longas, e por onde passo vou agregando na minha vida e meu coração mais e mais pessoas. E assim sou feliz!

  • Instagram
Foto Perfil Sara Nacif.jpeg
Noemi jpeg.JPG

Essa é Noemi Maria Barbosa, líder comunitária do quilombo de Mangueiras, na Ilha de Marajó, Pará. Ela é uma mulher forte, que fala com calma e tranquilidade e que é responsável por uma grande comunidade, isolada e com difícil acesso. Cuida dos doentes, porque é técnica de enfermagem e de todas as coisas que dizem respeito à comunidade, principalmente suas necessidades. Nesse lugar a força é das mulheres. Têm muita consciência sobre seu pertencimento e sua condição de quilombola, honrando as tradições, e as crenças ancestrais. Mulheres que estudam e retornam com seus saberes para a comunidade. Noemi descreve o lugar onde vive como um” lugar que não foi de açoite, mas de refúgio” indicando que os negros para lá fugiam e por causa da distância e da posição geográfica, pois fica entre rios. Essas mulheres têm profundo conhecimento das ervas, da mata, da natureza e da organização comunitária. Um exemplo de mulher e liderança. Criou recentemente, com outras mulheres, uma cooperativa de confecção de camisetas customizadas com motivos africanos que são lindas!

Entre curupiras e lendas amazônicas está Noemi, essa mulher que nos orgulha!